Golpe da lista telefônica é aplicado em empresários de Ipatinga

Empresários de Ipatinga dão conta de outro golpe que é aplicado na região. Desta vez, a oferta é de um suposto serviço de lista telefônica. O contato é feito por uma falsa editora via telefone, no qual são solicitados os dados cadastrais do empreendimento. A Associação Comercial, Industrial, Agropecuária e de Prestação de Serviços (Aciapi) junto à Câmara de Dirigentes Lojistas de Ipatinga ressaltam a necessidade de ficarem atentos para não cair no esquema fraudulento.

A suposta empresa oferece a atualização do endereço e número telefônico sem nenhum custo, mas exige a assinatura de um protocolo. Uma associada, que não quis se identificar, atendeu uma dessas ligações e desconfiou.  A lojista recebeu por e-mail o documento que solicita a assinatura para o serviço. 

Ao analisar minuciosamente, a empresária descobriu que o suposto protocolo era na verdade um contrato no valor de 24 parcelas de R$620 e com multa de cancelamento de R$4.000.

O presidente da Aciapi, Cláudio Zambaldi, relembra que os golpes aplicados pelo telefone não são raros, mas ainda fazem muitas vítimas. “Recentemente chegou até a associação novos relatos do golpe do boleto bancário de falsas entidades. E novamente tivemos mais esta tentativa criminosa. Muitas pessoas acabam se precipitando e passam informações ou até mesmo quita uma dívida que não existe. É preciso estar muito atento antes de passar qualquer informação seja por telefone, e-mail ou até mesmo presencialmente. Por isso, estamos sempre alertando toda a classe empresarial de Ipatinga e região, para que não caia em fraudes como estas”, destaca.

Pesquisa divulgada pelo Indicador Serasa Experian de Tentativas de Fraude aponta que de janeiro a maio houve mais de 782 mil tentativas identificadas.  O presidente da CDL de Ipatinga, José Carlos de Alvarenga, pontua que além dos proprietários os funcionários da empresa também devem ser orientados a agirem com cautela nestes casos. “Os empresários precisam conversar com os colaboradores sobre os golpes e frisar o risco que a empresa corre quando é passado algum dado cadastral ou informações internas para desconhecidos, sobretudo por e-mail ou telefone”, enfatiza José Carlos.

Para não cair neste golpe siga as dicas da Aciapi e CDL de Ipatinga:

– Não efetue contratações por telefone ou verbalmente com desconhecidos;
– Oriente funcionários a nunca repassarem dados ou qualquer outra informação via telefone ou e-mail sem conhecer o solicitante;
– Não assine recibo, formulário, contrato ou qualquer espécie de documento sem ler todas as cláusulas atentamente;
– Não aceite documentos com campos em branco que permitam o preenchimento posterior;
– Fique atento a cláusulas escritas com letras de tamanho menor do que das demais;
– Não exponha os dados cadastrais da empresa em cartões de visitas;
– Nenhum cartório liga para a empresa informando o protesto ou ameaçando.



Cadastre-se para receber nossas informações

Fique informado sobre notícias, promoções, cursos, eventos, palestras e muito mais...
CADASTRAR
close-link